© 2023 por NÔMADE NA ESTRADA. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • YouTube - Black Circle
  • Pinterest - Black Circle
  • b-facebook
  • Twitter Round
  • Instagram Black Round

Morar Fora Para Leigos

22.02.2019

Como vcs já sabem, eu já morei fora mais de uma vez.

 

Meu primeiro intercâmbio foi em 2009, quando eu vim para os Estados Unidos pela primeira vez como au pair.

 

Depois em 2013 voltei aos Estados Unidos por conta própria, pra fazer um curso de Ensino da Língua inglesa.

 

E em 2017 eu morei na Austrália, fui estudar também, mas dessa vez um curso de Marketing.

 

Eu conheço 15 países, sem contar o Brasil, entre América do Norte, América do Sul, Europa e Oceania. Mas tirando os Estados Unidos e a Austrália, os outros países eu só visitei, não morei.

 

Porque estou dando todo esse background pra vcs? Nesse post vou falar sobre uma coisa que as pessoas me perguntam, muito, mas muito mesmo.

 

"Mari, como é que faz pra morar fora e pra viajar tanto?" 

 

 

 

Assim como eu tinha o sonho de viajar e conhecer o mundo, morar fora. Hoje eu recebo mensagem de pessoas que querem realizar esse sonho também. E o que eu percebi nessas mensagens é que, muitas dessas pessoas não sabem por onde começar. O que é completamente normal, morar fora não é para iniciantes. Exige muita dedicação, esforço, foco e PLANEJAMENTO. Porque planejamento em letras garrafais? Porque sem se planejar vc não vai nem na quitanda do seu Zé na esquina da sua rua comprar um Guaraná. Morar fora não é do dia para a noite, é um projeto que pode demorar anos para sair do papel, mas para isso acontecer vc precisa COMEÇAR.

 

Assista também o vídeo sobre esse assunto no meu canal:
 

 

Vamos começar as dicas então:

 

#1. Aprenda inglês (ou a língua do país que vc quer morar)

 

Falar inglês é importante, se vc quer morar nos Estados Unidos, na Austrália, na Irlanda, no Reino Unido, se vc chegar com um inglês capenga, VC VAI PASSAR PERRENGUE. Estou focando no inglês pq os países que a maioria das pessoas querem morar é de língua inglesa, mas a dica vale pra qualquer língua, se vc quiser morar na França, por exemplo, corra pra aprender a falar os "mercy bocu" da vida.

 

Ah Mari, mas curso de inglês é muito caro. Sim, eu sei! Mas pra vc que trabalha, a minha dica é pare de gastar com supérfluos e invista  em um curso. Pra vc que trabalha mas não sobra nada mesmo porque o salário só da para pagar os boletos. INTERNET, o YouTube está cheio de canais de professores de inglês dando aulas e dicas valiosas e DE GRAÇA. Tem aplicativos, tem livros, tem filmes, tem música.

 

Não estou dizendo que aprender inglês é fácil, porque eu sei que não é. Mas vc precisa fazer um esforço para realizar o seu sonho de morar fora, lembre-se da frase NO PAIN NO GAIN!  (sem dor, sem ganhos).

 

Links úteis para aprender inglês:

 

YouTubers:

 

https://www.youtube.com/channel/UCAY2-t9HoTOnnRFYxfXp2eQ

 

https://www.youtube.com/channel/UCskEPRzGlsYHs_a5SJyCXag

 

https://www.youtube.com/channel/UCcNm9fM9V5wf-0PZVmkM08g

 

https://www.youtube.com/channel/UCGxIAAnrhkCy6H2DRz-t6Qw

 

Blogs e sites:

 

https://www.englishexperts.com.br/


https://www.teclasap.com.br

 

 

Aplicativos para o celular:

 

Duolingo

 

 

#2. Juntar dinheiro

 

Vamos supor que vc nem sabe pra onde quer ir. Califórnia? Não, não, Sydney? Não, Toronto. Não, Londres.

 

Não importa nesse momento, antes mesmo de escolher o destino, COMECE A JUNTAR DINHEIRO.

 

Acabou a mamata de todo final de semana na balada, bar, churrasco na laje, festa de aniversário, comer fora.

 

Para as mulheres, principalmente, PAREM DE COMPRAR roupas, sapatos, bolsas, maquiagem. Querem ficar na moda? Compre nas lojas mais baratas, abuse dos brechós, troque peças com as amigas. Aprenda a pagar os seus boletos e comprar o necessário para a sua sobrevivência, supérfluos CORTEM!

 

Não precisa ficar trancado dentro de casa e nunca mais fazer nada até chegar o dia de vc morar fora, mas escolha rolês baratos, compre em lojas mais baratas, não fique comendo em restaurante gourmet, nem coma em restaurante, coma em casa de preferência. (hehehe)

 

#3. Faça muita pesquisa

 

Tem gente que tem um sonho em particular, por exemplo, sonho em morar em NY, sonho em morar em Londres. Dai não tem jeito, se vc encafifou com um lugar específico, pesquise muito sobre esse destino e vá em frente.

 

Mas para quem ainda não escolheu um destino, faça uma lista das opções, coloque lá os prós e contras, por exemplo:

 

Nova Iorque

Prós: maior cidade metropolitana do mundo

Contra: visto complicado pra tirar

 

Sydney

Prós: visto mais fácil

Contra: muito longe

 

Então vc vai fazer isso com todos os destinos que vc acha que poderia ir.

 

Quando eu falo PESQUISE, é pesquisar mesmo. Entre em grupos no Facebook de brasileiros que já morem no destino que vc quer ir, siga no instagram de pessoas que moram lá. Tem blogueiros, youtubers e instragrams adoidado de pessoas que morar fora e dão dicas etc (INCLUSIVE EU, ENTÃO SE VC QUER VIR PARA OS ESTADOS UNIDOS NAO DEIXE DE ME ACOMPANHAR hehehe). Sempre tem aquele amigo, vizinho, colega de classe, que foi morar fora, pergunte para eles. Compre um caderno de anotações e anote nele tudo que vc descobrir e todos seus planos para morar fora.

 

Vá em agências de intercâmbio, peça orçamentos dos programas que eles oferecem para o destino que vc deseja. Mesmo que vc não vá fechar com a agência, não importa, pedir orçamento não paga nada e vc começa a ter uma noção do preço das coisas. Por falar em agência essa é a dica número 4.

 

#4. Com agência ou sem agência?

 

Muita gente acha que a agência de intercâmbio não vai te ajudar em nada e só quer o seu dinheiro. Claro, acontece de ter agências picaretas, mas tem agências sérias sim, pegue o nome da agência, pesquise no Reclame Aqui e veja se tem reclamações, jogue o nome da agência no Google, veja os reviews que eles tem. Procure no YouTube se tem youtubers falando sobre essas agências e recomendando, assim vc tem certeza que a empresa é séria.

 

Mas as agências não são caras?

 

Fazer um intercâmbio não é barato. Por isso estou dando essas dicas aqui pra vcs se planejarem com antecedência.

 

Se vc resolver ir morar fora por conta, sem ajuda de nenhuma agência, vc vai economizar uma taxa que vc iria pagar pra agência (mas que eu vou contar um segredo, essa taxa não é tão cara quanto muitos pensam).

 

Quando eu fui pros Estados Unidos como Au pair, PASMEM, eu paguei 500 reias pra agência... CLARO, isso foi 10 anos atrás mas gente o programa de Au Pair continua sendo barato até hj, é um dos mais baratos que eu conheço, por isso recomendo tanto. Quando eu fui para a Austrália, sabe quanto foi a taxa da agência?  200 dólares, ou seja, não foi um valor tão exorbitante.

 

Bom, agora vamos falar da diferença de ter uma agência e de não ter. Se vc é marinheiro de primeira viagem, eu aconselho ter um respaldo de uma agência. Se vc fizer tudo sozinho (solicitar o visto etc) vai te dar um trabalhão a mais e não tem pra quem gritar "help" se algo der errado, mas se vc se organizar e planejar com antecedência, tem menos chances de dar errado.

 

As agências que eu conheço e que recomendo pq eu já fiz intercambio com eles é a STB e a Information Planet.

 

#5. Que tipo de intercâmbio fazer?

 

Estudar?

 

Trabalhar?

 

Voluntário?

 

Bom, eu sei que a maioria dos meus seguidores, da galera que me acompanha precisam trabalhar para se sustentar. Se vc quer morar fora e pensa em arrumar um emprego lá, bom, ai eu vou te dar as dicas aqui.

 

Estados Unidos: com o visto de estudante vc não tem o direito de trabalhar - NÃO É RECOMENDADO - mas tem sim muitos brasileiros que vão com visto de estudante ou turista e trabalham.

 

Se vc resolver fazer isso, mantenha em mente que vc pode encontrar obstáculos para arrumar emprego e pode sofrer na mão de empregador explorador. Mas não perca a esperança, se seu sonho é Estados Unidos, dê um jeito só não desista.

 

Já na Austrália, com o visto de estudante vc pode trabalhar até 20 horas por semana, ou seja, já rola fazer uma graninha e as oportunidades de trabalham aumentam pra quem esta fazendo tudo direitinho conforme as leis permitem.

 

Inglaterra e Dublin - SE NÃO ME ENGANO - também pode trabalhar com visto de estudante. Pesquisem!

 

Outro lugar é o Canadá, eu nunca pesquisei e nunca tive vontade de morar la pq odeio frio e lá a coisa é feia. Mas eu já li varias reportagens que dizem que o Canadá é um ótimo país e que dá muita oportunidade para imigrantes.

 

Ser voluntário ou trocar trabalho por estadia.

 

Tem muitos jeitos de morar fora, tem programas para ser voluntário também. Tem um site chamado Worldpackers onde vc encontra vários tipos de trabalho que vc pode fazer em troca de moradia e comida, então pra quem quer uma viagem estilo ano sabático, ficar morando em um pais diferente a cada 3-4-5 meses, essa é uma opção muito boa.  E não tem só esse site não, joga no google "trabalho voluntário pelo mundo" vc vai encontrar muita coisa.

 

Outro jeito de morar fora é juntar uma graninha pro início da viagem, colocar a mochila nas costas e sair pelo mundo sem um destino certo, e a cada país que vc chegar vc pode ir descobrindo as oportunidades lá. Tenho uma prima que faz isso, ela está viajando nesse estilo já faz uns 2 anos. Ela morou em Dublin 4 anos, depois deu um rolê pela Europa, de lá foi para a Austrália, de lá foi pra Ásia e tá  até hoje por aqueles lados.

 

Se vc tem algum talento que pode trabalhar online, tem muita gente que vai viajando e fazendo uns freelancers online e dai é que tira a graninha pra continuar viajando.

 

 

#6. Intercambio depois de "velho"

 

Uma outra coisa que escuto muito "ah,  já to velha/ velho".  

 

Não existe mais essa de ter que ser jovenzinho pra fazer intercâmbio. Hoje tem programas pra todas as idades. A primeira vez que morei fora eu tinha só 23 anos, a segunda 29 e a terceira 33. Hoje tenho quase 35 e se eu não tivesse casado eu estaria lá na Ásia com a minha prima. Tem gente que vai morar fora e leva a família toda, então, NUNCA É TARDE. 

 

É ISSO AI! Espero que esse vídeo tenha te animado. Quero todo mundo indo já no google pesquisar sobre intercâmbio. SE VC SEMPRE SONHOU EM MORAR FORA, NUNCA DESISTA.

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Please reload